Como arranjar emprego com qualificações a mais


Elisângela Dias
Elisângela Dias
Gestora de Recursos Humanos

A percentagem de pessoas com curso superior tem aumentado mas a percentagem de empregabilidade não tem sido diretamente proporcional.

O que fazer então quando se tem qualificações a mais?

Altere o currículo

Em primeiro lugar deve adaptar o currículo a vaga que está se candidatando. Isso não significa não incluir os cursos e mentir sobre a formação mas sim apresentar apenas o essencial do trajeto escolar e profissional para não assustar o recrutador. Cada currículo deve ser direcionado à vaga de emprego em questão. Escolha um modelo de currículo mais simples.

Canalize os seus conhecimentos

Muitos cursos e pouca experiência podem não ser bem visto pelo recrutador (que pode até preferir que o candidato tenha muita experiência e poucos cursos). Exemplifique como os seus conhecimentos acadêmicos podem ser enquadrados e úteis na empresa e no cargo específico.

Demonstre receptividade

Uma pergunta que pode fazer na entrevista de emprego é se o trabalho não é desmoralizante e abaixo das suas competências. Se o trabalho é mesmo desmotivador não minta. Se precisa e quer realmente o trabalho, convença o recrutador da sua vontade e do seu interesse em trabalhar.

Saiba se vender

O que interessa às empresas é o que conseguem extrair de um trabalhador. Se conseguir exemplificar como pode trazer benefícios, poupança ou lucro para a empresa, ficará a um curto passo da contratação. Ao apresentar a sua experiência e pontos fortes, o recrutador já está traçando o seu enquadramento no funcionamento e objetivos da empresa.

Saiba negociar

O ponto crítico pode ser a negociação do salário, esperando o recrutador que o trabalhador com muitas qualificações baixe as suas expectativas salariais. Esteja disposto a ser flexível mas não desista do real valor do seu trabalho. Prepare-se para negociar a oferta de trabalho. Caso não seja oferecido um salário justo, tente obter benefícios apresentando contrapartidas.

Veja também: Você é sobrequalificado? Como responder à pergunta

Elisângela Dias
Elisângela Dias
Graduada em Gestão de Recursos Humanos pela Universidade Estácio de Sá em 2004. Pós graduada em Gestão de Projetos pela Universidade Cândido Mendes em 2007.