Coaching: o que você precisa saber


Elisângela Dias
Gestora de Recursos Humanos

Nos últimos anos a prática de Coaching teve um grande crescimento mundial. Os principais meios de comunicação já colocam o tema como assunto de pauta periodicamente. No meio corporativo, a demanda por profissionais desta área tem aumentado por conta da eficácia da técnica no aumento da performance das equipes.

Preparamos um guia para que você conheça mais sobre esta prática.

O que é Coaching?

Coaching é um processo que tem por objetivo desenvolver, apoiar e capacitar o cliente para atingir de forma sustentável todo o seu potencial. Com o teor essencialmente prático, a técnica é direcionada para o alcance de metas e objetivos.

Originalmente o Coaching surgiu no meio esportivo. Nos últimos anos ganhou espaço em outras áreas. Hoje o processo vem sendo utilizado em áreas como: carreira, finanças, empresarial, vida pessoal, etc.

É importante ressaltar que o Coaching não trabalha com o passado do cliente. Neste caso, não lida com traumas, fobias e problemas psicológicos. É uma prática voltada para o futuro com o foco no presente.

Como funciona

São realizados encontros periódicos que, geralmente, podem ser semanais, quinzenais ou mensais. Em cada encontro ou sessão de Coaching, são estabelecidas tarefas para alcançar o objetivo do cliente. Além disso as tarefas que foram passadas anteriormente são revistas para ver se foram cumpridas ou não.

Durante todo o processo o Coach procura motivar e estimular o cliente para a realização de suas metas e objetivos. O Coach desafia as crenças que muitas vezes limitam a vida e a carreira do Cliente, levando-o a ver aquilo que muitas vezes desconhecia em si próprio.

Embora o processo de Coaching não seja considerado uma terapia, pode ter efeitos terapêuticos. Por exemplo, ao alcançar um objetivo que o cliente desejava há muito tempo, ele pode melhorar seu estado emocional influenciando as diversas áreas de sua vida.

No Coaching são utilizadas diversas ferramentas de múltiplas áreas. Desde a PNL (Programação Neurolinguística), Neurociência, Inteligência Emocional, Psicologia Positiva entre outras.

O processo é realizado através de perguntas e o Coach não dá respostas, sugestões ou soluções padronizadas. O próprio Cliente chega às suas próprias respostas e soluções.

Alguns Princípios do Coaching

O processo de Coaching é orientado por alguns princípios básicos. Destacamos os principais:

  • Não julgamento

Um bom profissional de Coaching, sabe dar feedback sem julgar seu Cliente. Ele deve respeitar a realidade do cliente evitando fazer qualquer tipo de comparação, sendo tolerante com as diferenças.

  • O Coach trabalha com perguntas

O Coach parte do princípio que o cliente possui todas as respostas para suas questões. Um bom processo de Coaching é conduzido por boas perguntas. Normalmente conhecidas como perguntas poderosas. São perguntas abertas que levam à reflexão e a tomadas de consciência que conduzirão a novas ações.

  • Tudo é aprendizado

Todas as experiências durante o processo são consideradas aprendizados e servem para o crescimento do Cliente. Mesmo tarefas que tenham sido definidas pelo Cliente e não tenham sido cumpridas ganham este significado. Com isso, gradativamente, novos hábitos e habilidades são incorporados em sua vida.

  • Entrar em Ação

O aspecto prático do processo de Coaching é primordial para seu sucesso. Se não existirem tarefas para fazer após a sessão, podemos afirmar que não se trata de um processo de Coaching. Portanto, é natural que em todas as sessões o Cliente saia com pelo menos uma tarefa para ser realizada até o próximo encontro.

Como escolher um Coach?

Na hora de escolher o profissional mais adequado para o que procura, leve em consideração os seguintes pontos:

A Instituição pela qual o Coach foi certificado

Apesar do Coaching não ser uma profissão que exija regulamentação ou autorização do MEC (Ministério da Educação e Cultura), é uma atividade profissional que tem reconhecimento e necessita que os profissionais sejam qualificados.

O que irá definir uma boa Escola de formação em Coaching é o tempo em que esta se encontra em atuação no mercado. Além disso procure por referências na internet, pesquisando o nome da Escola. 

Outra forma de avaliar a Escola é através da qualidade dos profissionais que forma e se estão atuando no mercado. Portanto cheque antes.  

O tempo de experiência profissional como Coach

Verifique a experiência que o Coach possui, quantas horas de atendimento, se há boas referências dele no mercado. Se possui um site, se tem perfil profissional em alguma rede social. Pesquise por depoimentos de seus ex-Clientes e principalmente quais os resultados foram alcançados.

Qual o nicho de atuação do Coach

É importante saber qual o nicho que o Coach atua e se está voltado para a área que você procura, por exemplo, Carreira. Avalie a experiência anterior, peça referências ao profissional. Analise todas as informações antes de fechar um contrato para fazer as suas sessões de Coaching.

Coaching de Carreira

Esta modalidade de Coaching é indicada para quem almeja uma promoção ou possui objetivos de longo prazo na sua carreira. Também é útil para quem deseja realizar uma transição de carreira ou passa por um momento de insatisfação profissional. A necessidade de aperfeiçoamento de uma habilidade exigida por um novo cargo pode ser desenvolvida através deste tipo de Coaching.

Elisângela Dias
Graduada em Gestão de Recursos Humanos pela Universidade Estácio de Sá em 2004. Pós graduada em Gestão de Projetos pela Universidade Cândido Mendes em 2007.